SindForte faz manifestações em bases
da Brinks e Protege pela PLR/PPR

Com carro de som e distribuição de folheto, nossos diretores marcaram presença nas garagens da Brinks e da Protege (base Oeste na Capital, Campinas e Santo André), segunda e terça-feira (5 e 6), para organizar a mobilização dos vigilantes pelo pagamento de Participação nos Lucros (PLR ou PPR) nas duas empresas.

As duas empresas são as únicas que não querem negociar o pagamento do benefício. Fizemos mesa-redonda com a Protege, dia 23 de outubro, na DRT/Centro; e com a Brinks, dia 24, na DRT/Lapa. No entanto, elas compareceram apenas para dizer que não havia interesse em negociar a PLR/PPR com o Sindicato.

O presidente João Passos afirma: “Estamos iniciando a luta, para dobrar a intransigência patronal. Será que é uma greve que eles querem? Depois não venham dizer que não avisamos”.

Lucros bilionários - João lembra que os patrões têm grandes lucros. O Grupo Protege, segundo o próprio site da empresa, tem faturamento anual superior a R$ 1 bilhão e é um dos maiores do setor no País. A Brinks comprou a Sebival há cerca de três anos.

Violência - Enquanto elas negam a PLR/PPR, os riscos só aumentam para o trabalhador. A violência descambou, nossa profissão vive na alça de mira dos criminosos, mas os empresários só pensam nos lucros. Não querem valorizar o vigilante que se arrisca todo dia.

Até agora, em nossa base, apenas a Prosegur implantou um programa de participação nos resultados, que é distribuído entre os funcionários. Por isso, o Sindicato está negociando com as empresas, a fim de que todos recebam o benefício – que é um direito dos trabalhadores, assegurado pela Lei 10.101/2000.

Mobilização - A receptividade nas garagens foi grande, mostrando que os trabalhadores estão dispostos a partir pra luta pela PLR/PPR. No final do mês, haverá novas mesas redondas: Protege, dia 27; e Brinks, dia28. “Os companheiros deixaram claro que, se a negociação não avançar, as empresas param”, ressalta João Passos.

Informações - Fique ligado com o Sindicato, ligue na sede ou subsedes.


Home
Leia também
Clique na opção
 
Palavra do Presidente
Eu tenho orgulho
de presidir nosso Sindicato
 
Lideranças cumprimentam SindForte pelos 20 anos
 
Galeria de fotos
20 anos do Sindforte
 
Mande um e-mail para os diretores
 
 
 
Rua Francisca Miquelina, 98, Bela Vista, São Paulo. Telefone (11) 3105.2486. E-mail: sindforte@sindforte.org.br