• Avanços


Contribuição assistencial é aprovada
em comissão do Senado

A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado aprovou, na terça-feira (11), parecer favorável do senador Inácio Arruda (PCdoB-CE) ao projeto de lei (PLS 248/06) do senador Paulo Paim (PT-RS) que cria a contribuição assistencial, destinada ao financiamento da negociação coletiva e de outras atividades sindicais.

A contribuição assistencial terá como objetivo financiar a negociação coletiva e seu percentual, que não poderá ser superior a 1% do salário bruto anual do trabalhador, será definido em assembleia.

Apresentado pelo senador Paulo Paim, o projeto determina que fraudes, desvios ou recusa arbitrária do empregador em fazer o desconto da contribuição da categoria em folha de pagamento serão considerados ilícitos e receberão punições previstas pela CLT, cabendo ainda apuração pelo Ministério Público.

Leia mais notícias

Jurídico apoia vigilantes na luta por direitos

Fique sócio do SindForte e fortaleça nossa luta

Menos Imposto de Renda - Pressão sindical reduz descontos


Topo - Home

Leia com atenção!

Leia também
Clique na opção
 
Arquivo - Palavra do presidente
 
Colônia de Férias do SindForte
 
Tire suas dúvidas no Departamento Jurídico
 
Dentista da entidade
 
Mande um e-mail para os diretores
 
Escola de Informática do Sindicato
 
 
Rua Francisca Miquelina, 98, Bela Vista,São Paulo. Telefone (11) 3105.2486. E-mail: sindforte@sindforte.org.br