Convenção Coletiva de Trabalho garante
manutenção de direitos da categoria

9/1/2018 - terça-feira

O acordo coletivo dos trabalhadores de escolta armada, com data-base em 1º de janeiro, foi assinado com o sindicato patronal no final do ano passado. A Convenção consagra direitos e conquistas sociais que beneficiam a categoria em todo o Estado.

A campanha salarial foi vitoriosa. O aumento dos salários foi de 2,10% e o tíquete-refeição teve reajuste de 2,57%.

Além do reajuste com aumento real, garantimos a renovação de todos os benefícios previstos na Convenção Coletiva anterior – conquista que protege os trabalhadores do corte de direitos embutido na reforma trabalhista do governo Temer.

Confira os novos valores de salários e outros ganhos:

TABELA DA REMUNERAÇÃO MENSAL

Piso normativo - R$ 1.657,46
Adicional de periculosidade 30% - R$ 497,24
Total da remuneração - R$ 2.154,70
Salário diário 1/30 avos - R$ 71,82
Salário hora 1/220 avos - R$ 9,79
Hora extra com 60% - R$ 15,66
Hora extra com 100% - R$ 19,58
Adicional noturno 20% - R$ 1,96
Hora noturna reduzida + 20% - R$ 11,75

TÍQUETE-REFEIÇÃO

Reajuste de 2,57%. Valor de face R$ 24,00 por dia trabalhado (desconto de 10%).

OUTROS BENEFICIOS

1) Jornada semanal normal de 44 horas, 7h33 (sete horas e trinta e três minutos) por dia.
2) Horas extras em dias úteis, adicional de 60%; dias de folga e feriados trabalhados, adicional de 100%, que se aplica também ao trabalhado em domingos sem compensação na semana.
3) Horas extras incidem no DSR, 13º salário, FGTS, férias vencidas e proporcionais, aviso prévio e verbas rescisórias.
4) Repouso semanal remunerado obrigatório de 24 horas, coincidindo em dia de domingo uma vez no mês.
5) Repouso e alimentação (1 hora diária), que não sendo concedido será indenizado com adicional de 60%.
6) Banco de horas está proibido em todas as empresas.
7) Vigilantes embarcados têm direito a diária de viagem, café da manhã, almoço, jantar e hospedagem.
8) Café da manhã servido diariamente na base operacional até às 8 horas da manhã.
9) Empresas que não servem café na base são obrigadas a pagar R$ 5,69 por dia, incluído no tíquete-refeição.
10) PPR (Programa de Participação nos Resultados) é direito dos vigilantes, com valor de 25% do Piso salarial mensal.

Leia também
Clique na opção
 
Mande um e-mail para os diretores
 
Rua Francisca Miquelina, 98, Bela Vista, São Paulo. Telefone (11) 3105.2486. E-mail: sindforte@sindforte.org.br