Atos pedem jornada de 40 horas, sem redução de salário

190

A Força Sindical e as demais Centrais realizam, dia 14 de agosto (sexta-feira), A Jornada Nacional Unificada de Lutas, com manifestações em todo o Brasil pela redução da jornada de trabalho de 44 para 40 horas semanais.

A proposta foi aprovada em uma comissão especial, criada na Câmara dos Deputados para analisar o tema. Agora, o próximo passo é a votação no plenário. Caso seja aprovada, será submetida a uma segunda votação na Câmara. Mas, para começar a valer, a jornada de 40 horas deverá ser aprovada também no Senado.

Nas manifestações desta sexta, os trabalhadores também lutam contra as demissões e em defesa de direitos sociais. Serão realizadas panfletagens, comícios, atos públicos e passeatas para marcar a posição dos trabalhadores contra a crise.

Passeata – Em São Paulo, haverá passeata na avenida Paulista, com concentração na Praça Osvaldo Cruz, a partir das 10 horas. O ato público será às 13 horas no MASP. O SindForte apóia o movimento e está firme na luta por avanços sociais.