Campanha salarial do carro-forte Segunda rodada de negociações será na próxima quarta, dia 13 de junho

168

A segunda rodada de negociações da campanha salarial do transporte de valores, que estava marcada para a última quarta-feira (6), foi remarcada para o dia 13 de junho. A reunião foi adiada a pedido do sindicato patronal, que informou ao SindForte que ainda não se reuniu com os tomadores de serviço (federação dos bancos).

As empresas de carro-forte têm alegado dificuldades na readequação dos contratos com os bancos, para endurecer as negociações em torno do reajuste salarial com aumento real para os trabalhadores.

Para João Passos, presidente do SindForte, os patrões querem uma desculpa para justificar a própria intransigência. “Não temos nada a ver com problemas entre empresas e bancos. Eles que se entendam”, ressalta João.

Nosso presidente adverte que, se não forem atendidas as reivindicações da campanha eleitoral 2012, como aumento real, pagamento de PLR para todos e inclusão dos 30% do Adicional de Risco de Vida nas férias e 13º salário, a categoria pode parar em todo o Estado. “Há tempos, não acontece uma greve geral da categoria. Este ano, se não houver avanços reais na negociação, a greve pode acontecer”, afirma.