Categoria comemora 25 anos do Sindicato

161

Dia 16, o SindForte completa 25 anos de existência. A entidade de classe que reúne os empregados das empresas de transporte de valores e da escolta armada chega ao jubileu de Prata organizada e presente em todo o Estado.

O presidente João Passos comemora: “Começamos numa sala emprestada pela Federação. Depois, nos mudamos pra dois sobrados alugados no Bixiga. Conseguimos, anos depois, comprar uma bela sede na rua Francisca Miquelina; temos sete subsedes pelo Estado; o Sindicato possui duas Colônias de Férias em Bertioga; também temos um terreno em Praia Grande, para futura Colônia”.

O crescimento patrimonial é efetivo. Mas tem muito mais. Somos o primeiro Sindicato do Brasil a conquistar, ainda em 1993 – um ano depois da fundação, Adicional de Risco de Vida no transporte de valores. Alguns anos depois, conseguimos, também com greve, o Adicional para os companheiros da escolta. Nossa meta é garantir esse benefício ao pessoal de sala de valores e outros setores, pois todos correm riscos.

Lutas – Esses 25 anos foram marcados por muitas lutas da categoria. Um exemplo: conseguimos reblindar os carros-fortes, que antes eram “casca de ovo”, ou seja, não suportavam sequer um tiro de 38. Todo vigilante passou a ter sua CNV (Carteira Nacional do Vigilante) que é o documento do verdadeiro profissional.

Convenções – Todo ano, por meio de negociação coletiva, conseguimos renovar as Convenções Coletivas de Trabalho do transporte de valores e da escolta armada. Elas garantem direitos acima do que a CLT propicia. Ou seja, agregam direitos e ganhos aos trabalhadores.

Reconhecimento – Como observa nosso presidente João Passos, o bom sindicalismo é coletivo, é feito por toda a categoria. Ele diz: “Chegamos até aqui porque tivemos apoio dos trabalhadores, porque procuramos ouvir os companheiros, porque sempre estamos na base cuidando das demandas de todos”.

Mais – Nos próximos dias, mais notícias sobre a trajetória do Sindicato, nesses 25 anos de lutas e conquistas.