Muito obrigado, dr. Argeu!

216

Morreu quarta-feira e foi sepultado quinta (30), em Campinas, Argeu Quintanilha de Carvalho.

Ex-dirigente sindical metalúrgico (cassado pela ditadura), ex-Delegado Regional do Trabalho
e advogado trabalhista, Argeu foi, acima de tudo, um amigo dos trabalhadores.
A categoria vigilante, por exemplo, deve
sua certidão de nascimento a Argeu, que, quando Delegado do Trabalho, nos anos 80, liberou as cartas sindicais das entidades, tornando possível a organização da categoria.

Nosso presidente João Passos, que foi muito amigo de Argeu, conta um episódio em
que foi reintegrado por iniciativa do então Delegado do Trabalho. Diz João: “Eu trabalhava na Protege Campinas e liderei
um movimento pra que o salário dos trabalhadores do Interior fosse equiparado ao da Capital. Um chefe me mandou embora. Nós procuramos a Delegacia do Trabalho e
o dr. Argeu atuou pessoalmente no caso, garantindo minha reintegração ao emprego”.

A história dos vigilantes com dr. Argeu é repleta de episódios em que ele, com sua experiência, ajudou efetivamente nossa categoria. Fossem nas negociações coletivas,
nas ações por empresa ou nas greves, Argeu estava sempre presente. “Pra mim, o dr. Argeu era um sindicalista em tempo integral”, afirma João.

Portanto, nesse momento de tristeza, nosso Sindicato vem se juntar aos familiares e amigos de Argeu para manifestar nossa solidariedade. Perdemos um amigo e estamos tristes. Mas seu exemplo nos alegra e encoraja a seguir lutando por seus ideais de construir um mundo mais justo, em que o trabalhador seja verdadeiramente valorizado.

Obrigado, dr. Argeu!