Negociação conquista ganho real no salário e tíquete-refeição

172

Mais uma vez, nosso Sindicato concluiu com sucesso a campanha salarial no transporte de valores. O acordo coletivo, firmado nesta sexta (25), garante aumento no salário e ganho real também nos tíquetes-refeição. Essas são as principais conquistas para os 10 mil trabalhadores no setor em todo o Estado.

O reajuste salarial, a partir de 1º de julho, será de 3%. Ou seja, acima do INPC do período, que ficou em 2,56%. Nosso presidente João Passos destaca que o ganho maior foi para os tíquetes-refeição, que sobem 6,67%, a partir de 1º de setembro.

O maior tíquete, que é para os trabalhadores em carro-forte (guarnição) e vigilantes de base, chega a R$ 32,00. Já administrativos e demais funções têm tíquete atualizado para R$ 27,20. No carro-forte, a Convenção Coletiva garante dois tíquetes adicionais por mês.

Piso – O maior Piso da categoria, com os 3%, chega a R$ 4.098,25, incluindo os 30% do Adicional de Periculosidade (antigo Risco de Vida).

Avaliação – João Passos avalia: “Fechamos mais uma negociação com ganhos reais. Também evitamos retrocessos como o banco de horas, que continua proibido em nosso setor. O patronato pressionou, mas não conseguiu”.

Renovação – Demais cláusulas da Convenção Coletiva atual foram preservadas.