Negociação obtém acordo que acaba com banco de horas

124

Os companheiros da Prosegur de São José do Rio Preto se uniram, chamaram o Sindicato e juntos obtivemos uma grande conquista: derrubamos o banco de horas na empresa. A Prosegur sabe que a prática é proibida, mas, mesmo assim, vinha impondo o banco de horas. Os trabalhadores já estavam a um passo da greve contra a irregularidade.

Mas a paralisação não foi necessária, uma vez que o Sindicato, junto com uma Comissão de Trabalhadores, garantiu em negociações com a empresa a assinatura, dia 17 de março, de um compromisso acabando com o banco de horas.