Sindicato negocia e garante 8,08% no salário e 11,16% no tíquete

141

Companheiro(a): está fechado o acordo coletivo dos 10.500 trabalhadores no transporte de Valores do Estado de São Paulo. A negociação foi concluída nesta sexta (11), após diversas rodadas entre nosso Sindicato e o sindicato patronal. Uma comissão de trabalhadores da base participou de toda a negociação.

O acordo garante reajuste 8,08%, ou seja, cerca 2% de aumento acima da inflação. Melhoramos o valor do tíquete-refeição, que passa de R$ 20,69 para R$ 23,00 – aumento de 11,16%. Nossa Convenção Coletiva assegura dois tíquetes a mais por mês, além dos concedidos nos dias trabalhados.

Piso – O salário do vigilante condutor de carro-forte passa a ser de R$ 3.279,10, já incluído o adicional de risco de vida correspondente a 30% do Piso da categoria.
O reajuste vale a partir de 1º de junho. A Convenção, que também assegura PLR/PPR para todos do setor, valerá por um ano. Nossa data-base foi alterada, passando para 1º de julho.

Avanço – Nosso presidente João Passos, avalia: “Fechamos um acordo digno, que supera a média das conquistas para o setor em todo o País”.

Tabela – O Sindicato está elaborando as tabelas de salários, Pisos e demais benefícios da categoria. Divulgaremos, em breve, pelo site e em nosso jornal.