Trabalhadores param BRV e conquistam avanços

186

Os trabalhadores da BRV – Vigilância, Segurança e Serviços paralisaram a empresa na quinta (13) em protesto contra atraso no pagamento de salários e benefícios. A empresa de escolta armada tem sede na Vila Matilde, Zona Leste de São Paulo.

Os companheiros pediram a intervenção do Sindicato, que deslocou os diretores D. Luiz e Leonel Rodrigues da Silva até a empresa. Com a ajuda de nossos diretores, a pressão deu resultado e a BRV teve que negociar a regularização dos atrasados.

A negociação ocorreu em reunião no Sindicato, que teve a presença de representantes dos trabalhadores e da empresa. O encontro ocorreu no período da tarde, quando foi celebrado um acordo entre o SindForte, a empresa e a Comissão de Trabalhadores. Após as negociações, os companheiros voltaram ao trabalho.

O presidente João Passos afirma: “Não aceitamos abusos como esses. Honrar os compromissos salariais com seus trabalhadores é exigência mínima a qualquer empresa”. Nosso presidente elogia a bravura dos vigilantes da BRV, que não se intimidaram e foram à luta.

Denuncie – “Todos estão de parabéns. A mobilização mostrou que não podemos aceitar injustiças. Denuncie os abusos e conte sempre com o Sindicato”, completa João Passos. Ele orienta que os trabalhadores não se calem frente a imposições: “Ligue para o Sindicato e peça a presença de um diretor”.

Informações – Ligue na sede (11 3105.2486) ou nas subsedes, fale com nossos diretores.